Livro: Chalie and the Chocolate Factory

Charlie Bucket é um garoto que vive com seus pais e seus quatro avós em uma pequena casa com dois cômodos. Como apenas o Sr. Bucket, pai de Charlie, tem um emprego, a família acaba tendo uma vida difícil, sem dinheiro para comprar comida suficiente, sendo suas refeições constituídas apenas de pão e manteiga no café da manhã, batatas cozidas e repolho no almoço e sopa de repolho no jantar.

Mas Charlie é uma criança e, como toda criança, ele tem um amor especial por chocolate, “iguaria” que ele só pode apreciar em seu aniversário, quando ganha uma deliciosa barra de chocolate Wonka, comprada com o dinheiro que a família junta durante o ano todo, mesmo morando perto da MAIOR FÁBRICA DE CHOCOLATE DO MUNDO, que fabrica os melhores chocolates já provados.

A fábrica está, segundo o avô Joe, fechada há mais de 10 anos, devido a casos de espionagens que forneciam a outras fábricas as deliciosas fórmulas do chocolate Wonka. Por um tempo, a fábrica ficou sem funcionar e todos pensavam que o fim dela tinha chegado, até que um dia, de repente, suas chaminés voltam a soltar fumaça e suprimentos de chocolate são novamente distribuídos por todo o mundo. Porém, seus portões nunca mais foram abertos. Ninguém entra ou sai. Não se sabe quem trabalha na fábrica, sendo visto apenas pequenas sombras indo de um lado a outro por toda sua extensão durante o período de funcionamento.

Contundo, todo esse mistério pode ser resolvido quando Willy Wonka, dono da famosa fábrica de chocolate, decide abrir a fábrica para as cinco crianças sortudas que encontrarem o bilhete dourado escondido em diferentes tipos de barras de chocolate, distribuídas pelo mundo. Aqueles que encontrarem o bilhete dourado ganham o direito de, além de visitar a fábrica, conhecer invenções secretas que ainda não foram lançadas e ganhar um suprimento de chocolate para a vida toda (se ele acabar, basta ir com o bilhete dourado na fábrica e pegar mais), com um prêmio surpresa no fim para apenas uma delas. Desse modo, Charlie e vô Joe possuem uma chance de finalmente conhecer a fábrica que eles tanto admiram.

“(…) however small the chance might be of striking Lucky, the chance was there.” Pág. 43

O livro, apesar de ser literatura infantil, apresenta algumas lições de moral através das cinco crianças sorteadas, mostrando como alguns defeitos (como a gula de Augustus Gloop, os maus costumes de Veruca Salt adquiridos por ter sido muito mimada pelos pais, o excesso de tempo gasto por Mike Teavee em atividades não muito úteis ao passar o dia todo assistindo televisão – ou na internet, trazendo para o período mais recente – e a mania de competitividade e de mastigar chiclete o tempo todo de Violet Beauregarde) podem resultar em más consequências, sendo Charlie, o único sem tais “defeitos”, o ganhador do prêmio final.

Um fato interessante sobre o livro é que, inicialmente, ele era totalmente diferente do que foi lançado e é conhecido por todos. Na primeira história, “Charlie’s Chocolate Boy”, Charlie era apenas um entre quinze crianças terríveis e a visita à fábrica não era tão interessante, pois acontecia todos os sábados. Roald Dahl a reescreveu totalmente quando seu sobrinho disse “Tio Roald, eu não gostei nem um pouco”.

O livro acabou ganhando duas adaptações: uma em 1971 (Willy Wonka and the Chocolate Factory), que foi completamente reprovada pelo autor por ser bem diferente da obra literária, precisando criar um novo título para ser lançada, e outra em 2005 (Charlie and the Chocolate Factory) dirigida por Tim Burton, um pouco mais fiel ao livro e que não passou pelo crivo do autor, já que este faleceu na década de 90.

Minha edição é em inglês e, por ser um livro infantil, é bem fácil e rápido de ler. Ela possui várias ilustrações lindas do ilustrador Quentin Blake – que ilustrou quase todos os livros do Roald Dahl, com exceção apenas de The Minpins – e se trata de uma edição que veio no box com mais cinco livros do autor (The Twits, George’s Marvellous Medicine, The BFG, Danny the Champion of the World e Charlie and the Great Glass Elevator).

DSC06636 DSC06700 DSC06635 DSC06638

12067930_1084248188254756_182102734_n12071468_1084248161588092_36379872_n 12071813_1084248271588081_493035239_n 12084142_1084248144921427_1074489862_n

DSC06647 12084154_1084248388254736_1369973275_n 12080905_1084248111588097_1436891978_n 12067893_1084248054921436_1986853327_n12081357_1084248101588098_355838559_n   12080977_1084247954921446_320710139_n

Anúncios

Um comentário sobre “Livro: Chalie and the Chocolate Factory

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s